win85 - Fiat Pulse fica com 2 estrelas e Latin NCAP faz cobrança

0

Latin NCAP cobra mais airbags e itens de segurança no SUV compacto. Fiat Pulse tem 67% de proteção para adultos

O Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe (Latin NCAP) divulgou nesta quinta (14) seu último resultado de 2023. O Fiat Pulse, um SUV compacto que tem ganhado popularidade no mercado brasileiro, obteve duas estrelas no crash test, indicando que a fabricante italiana precisa aprimorar aspectos em seu modelo. Vale ressaltar que os resultados dos testes de colisão do Latin NCAP não são requisitos para a homologação de veículos no Brasil.

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Produzido na fábrica da Stellantis em Betim (MG), o Fiat Pulse vem equipado com quatro airbags e Controle de Estabilidade (ESC) de série em todas as versões. No entanto, de acordo com a análise do Latin NCAP, o SUV apresentou deficiências no teste de colisão, afetando negativamente o resultado geral.

O Latin NCAP avaliou o Fiat Pulse em testes de impacto frontal, impacto lateral, impacto lateral de poste, chicotada cervical (whiplash) e proteção de pedestres. Os resultados indicaram que o SUV compacto possui 67% de proteção para adultos, 56% para crianças e 45% para pedestres. Os sistemas de assistência garantem 56% de segurança.

Segundo o relatório, o Pulse demonstrou uma estrutura estável no impacto frontal, incluindo a área dos pés. Contudo, no impacto lateral, o airbag lateral foi criticado por não abranger toda a extensão do veículo, proporcionando proteção apenas aos assentos dianteiros.

O teste também revelou que a proteção para ocupantes infantis ficou aquém dos padrões exigidos pelo Latin NCAP. Apesar do desempenho positivo do sistema de estabilidade e do limitador de velocidade, a ausência do sistema de Alerta e Frenagem Automática de Emergência nas versões iniciais resultou na redução da nota geral.

“Mais uma vez, pedimos à Stellantis que melhore os recursos básicos de segurança em toda a sua linha de modelos. O Latin NCAP demonstrou que a informação independente ao consumidor em um sistema de rotulagem obrigatório mudaria o mercado para veículos mais seguros sem atrito político”, disse Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP,=.

Resposta da Stellantis

A Stellantis, grupo que controla marcas como Fiat, Peugeot, Jeep e Citroën, afirmou que o modelo testado é uma versão desatualizada, adquirida no Chile e testada na Alemanha. A empresa reforçou seu compromisso com a segurança veicular, alegando que o modelo em questão é um dos mais seguros em seu segmento e destacou seus esforços contínuos para evoluir a segurança dos veículos.